moedas e gráficos em destaque
Finanças 17/01/2024

ROI no varejo: como melhorar o da sua loja?

Compartilhar

O ROI no varejo é uma métrica que aponta quanto uma empresa obteve de retorno financeiro a partir dos investimentos feitos em áreas como vendas e marketing. Isto é, quanto do dinheiro investido em determinadas ações resultou em lucratividade.

Outra maneira simples de entender esse conceito é descobrindo o significado dessa sigla. ROI é a abreviação do termo em inglês Return on Investment que, na tradução para o nosso idioma, quer dizer Retorno sobre o Investimento.

Considerado um dos indicadores financeiros mais importantes para qualquer modelo de negócio, o ROI ajuda a avaliar, por exemplo, se as decisões estão gerando o faturamento esperado, para onde direcionar valores, entre outros pontos relacionados.

Entretanto, para isso, o primeiro passo é aprender como calcular o ROI no varejo. E é justamente sobre isso que falaremos agora. Então, siga a leitura e confira tudo sobre Retorno sobre o Investimento e como essa métrica pode ajudar no crescimento da sua loja!

O que é ROI em vendas?

ROI em vendas é um indicador que revela o valor do retorno financeiro gerado pelos os investimentos nessa área, isto é, a métrica indica se houve lucro. 

Para ajudar você a entender melhor, usaremos um exemplo. 

Imagine que sua loja esteja investindo R$ 1 mil por mês em um CRM de vendas.

Nesse caso, a ideia é dar aos vendedores acesso rápido a dados de leads e clientes, a fim de identificarem oportunidades de vendas.

No primeiro trimestre de uso da solução, você percebeu que houve um aumento no volume de vendas, resultando para sua empresa um faturamento de R$ 5 mil por mês.

Fazendo um cálculo bruto, nesse exemplo, o investimento foi de R$ 1 mil mensais e o retorno sobre ele de R$ 5 mil, o que dá um lucro de R$ 4 mil. Isso é o ROI em vendas!

Como calcular o ROI no varejo?

Para calcular ROI no varejo, é preciso aplicar a seguinte fórmula:

ROI = [(ganho obtido – valor do investimento inicial) / valor do investimento inicial] x 100

Assim, você deve levar os ganhos obtidos por uma determinada ação, a exemplo de estratégias voltadas para marketing ou vendas. Em seguida, precisa ter o valor que foi investido nessa atividade. 

Um número deve ser subtraído pelo outro, e o resultado dessa conta precisa ser dividido pelo valor aplicado inicialmente. Por fim, deve-se multiplicar por 100 para chegar ao percentual.

Usando o mesmo exemplo que demos anteriormente, o cálculo de ROI no varejo ficaria desta forma:

  • ganho obtido = R$ 5 mil
  • valor do investimento inicial = R$ 1 mil

Aplicando a fórmula, temos:

  • ROI = [(5.000 – 1.000) / 1.000] x 100
  • ROI = (4.000/1000) x 100
  • ROI = 4 x 100
  • ROI = 400%

Dica de leitura: “Orçamento empresarial: elabore o seu em 7 passos!

O que é um ROI alto? Qual o valor ideal de ROI?

No exemplo que demos, o resultado foi um ROI alto, que é quando o resultado da conta é igual ou superior a 100%. Isso significa que o investimento foi positivo e trouxe lucros para a empresa.

Logo, um ROI baixo é aquele cujo percentual é inferior a 100%, apontando que o negócio teve prejuízo com os investimentos realizados.

Neste momento, você deve estar se perguntando qual o valor ideal de ROI, certo? Obviamente, é aquele que gera mais receita para a empresa em relação ao investimento feito

Contudo, tenha em mente que não existe um percentual único ou exato, pois isso varia de negócio para negócio devido a critérios, como:

  • qual é a ação que está sendo mensurada;
  • como está o mercado de atuação naquele momento;
  • como está o comportamento e o interesse dos clientes pelos produtos ou serviços vendidos.

Assim, uma ação executada hoje pode não apresentar os mesmos resultados daqui seis meses, por exemplo. E isso vale tanto para ROIs altos quanto para os baixos. 

Por esse motivo, você também deve considerar o momento do investimento antes de se animar, ou desanimar, com a estratégia adotada.

Aproveite e leia também: “Relatórios gerenciais: por que são importantes na tomada de decisão?

Como melhorar o ROI no varejo? 9 dicas!

Para melhorar o ROI de empresas varejistas, existem algumas boas práticas que podem ser adotadas tanto por quem atua presencialmente quanto por quem vende virtualmente são:

  1. tenha objetivos claros para as estratégias que serão implementadas;
  1. estabeleça um limite de investimento, e não saia dele;
  1. identifique formas de reduzir os custos dos investimentos;
  1. conheça bem o público-alvo para garantir que as medidas tomadas sejam compatíveis com as necessidades e preferências dos clientes;
  1. ajuste a precificação dos seus produtos e serviços;
  1. aposte em upselling e cross selling para gerar mais vendas sem precisar investir mais;
  1. adote boas estratégias de marketing digital;
  1. aprenda a fidelizar seus clientes;
  1. automatize diferentes processos por meio das tecnologias certas.

Quanto a essa última dica é preciso considerar que, quanto mais você vender, mais receita terá para gerenciar na sua loja, concorda?

O F360 Finanças é um sistema que ajuda no gerenciamento financeiro da sua empresa ao oferecer recursos como:

  • conciliação de cartões;
  • conciliação bancária;
  • conciliação de vouchers;
  • fluxo de caixa;
  • contas a pagar e a receber;
  • planejamento orçamentário;
  • entre diversos outros recursos!

Agende agora uma demonstração grátis e confira, na prática, como funciona o F360 Finanças!

Compartilhar
Avatar photo
Escrito por:

Maurício Galhardo

Head e curador do F360 Educa, apaixonado por finanças, autor de três livros de negócios e gestão financeira, com ampla experiência em treinamentos e palestras. Já treinou mais de 20 mil pessoas no varejo!